News - Diretoria do grupo cancela o reinício das aulas no restante do primeiro semestre de 2017. / Camisas com a marca do grupo estão sendo vendidas pelo valor de R$30 reais. / Site dos Guerreiros ultrapassa 270 mil visitas. / Para acompanhar o grupo nas redes sociais clique nos botões disponíveis nesta página. / VOCÊ GOSTOU DO SITE? JÁ PARTICIPOU DE ALGUMA ATIVIDADE NOSSA? TEM ALGUMA SUGESTÃO? COMENTE, MANDE UMA MENSAGEM POR E-MAIL OU PELAS REDES SOCIAIS. DÊ SUA OPINIÃO E NOS CONTE SOBRE A SUA EXPERIÊNCIA COM A DANÇA PERNAMBUCANA. CERTAMENTE ISSO NOS AJUDARÁ BASTANTE A ENRIQUECER TODO O TRABALHO. OBRIGADO!

Festival Internacional de Dança do Recife atropela atividades dos Guerreiros do Passo

Projeto Frevo na Praça será interrompido no sábado dia 20 de outubro

O Festival da Prefeitura do Recife que este ano está na sua 17ª edição, programou uma oficina de dança no mesmo dia e horário em que os professores do Guerreiros do Passo realizam seus trabalhos na Praça Tertuliano Feitosa, no bairro do Hipódromo.
O fato lamentável, demonstra pouca ou nenhuma consideração do festival com a história do grupo, que mantém há mais de sete anos no local seus encontros com oficinas de frevo. O sábado, dia 20 de outubro, entrou na programação, sem ao menos ter ocorrido um comunicado aos instrutores do projeto.

Sabe-se que os Guerreiros do Passo não são os donos da Praça, mas acredita-se que poderia ter havido uma melhor articulação por parte dos responsáveis pelo evento para evitar o choque das atividades. Não cremos numa simples falta de informação, pois o grupo participou deste mesmo Festival por três anos consecutivos, tendo o espaço e os horários, estando também na programação.

Não se quer com este texto vitimizar o grupo e nem impedir as atividades do Festival, tão pouco diminuir o trabalho do artista responsável pela oficina. Apenas compreende-se que eles, (organizadores) poderiam ter evitado essa “coincidência”.

Às vezes, perguntam por que a fala dos Guerreiros é tão contundente. É nessas ocasiões que fica claro a falta de respeito e o tamanho das instituições públicas perante a existência dos pequenos grupos culturais da nossa cidade. A relação do maior X menor nunca foi tão impetuosa. Passam por cima, esmagam o trabalho alheio, como se fosse uma história escrita numa folha de papel rasgado. Já não basta a falta de apoio?

Tudo bem! Deixemos então o espaço livre para a Prefeitura e à disposição do Festival. No dia 20 de outubro não serão realizadas as atividades do Projeto Frevo na Praça.
As oficinas retornam normalmente no dia 27.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário